Terça-feira, 9 de Dezembro de 2008

 

Raios partam a educação católica e mais a culpa judaico-cristã. Lidar com a humanidade, à data, disponível, requer vários volumes de instruções, workshops, teses de doutoramento que suportem fundamentadamente as posições doutrinárias divergentes do cânone e alguém que esteja encarregado de, a cada momento, proceder à monitorização de cada uma das ainda que pequeninas, fugazes e insignificantes relações humanas iniciadas.
Em que momento já estamos obrigados (e constantemente em dívida) para com o próximo? No exacto momento da concepção, quando nos cruzamos para a primeira saudação (ou uma mera carga de ombro causada por falta de espaço) ou apenas numa fase de relações a caminho de ser sedimentadas, já aferida a viabilidade das mesmas?
Ainda não consegui perceber as respostas certas para nenhuma destas perguntas, mas voltaremos ao tema, ainda em 2008. Até lá, por via das dúvidas, vou enfiar-me no escafandro, na absoluta convicção de que metade das pessoas que apareceram na minha vida nos últimos 2 anos foi engano do Argumentista. Ou uma piada de muito mau gosto. 


publicado por Laura Abreu Cravo às 12:56
link do post | comentar |

Comentários:
De Marina a 9 de Dezembro de 2008 às 19:57
E quando em determinada altura achamos que estamos num cenário à la Burton, completamente fora de contexto, a um passo de questionar a nossa própria pessoa?


De CAL a 9 de Dezembro de 2008 às 23:24
Igual a si própria. Brilhante, portanto.
Pelo(s) exemplo(s) que aponta e por 30 situações mais, é para mim mais que certo que o Argumentista anda sobre o efeito de ácidos. Há muito tempo. Há... demasiado tempo. "Queimadíssimo", por consequência. Quando é que são as eleições para o cargo que ocupa, mesmo?


De Castafiore a 10 de Dezembro de 2008 às 17:13
Por vezes, nem sei onde deixo o sono quando penso nesta mesma problemática. Tempos depois, acabo por aterrar no sentimento nada ecológico do "não reciclar". Purgar é um óptimo remédio para evitar a asfixia do escafandro.


Comentar post

Laura Abreu Cravo
Em@il
Na Jukebox Mental

Pesquisar
 
Outros Venenos
31 da Armada
Revista Atlântico
Últimas Entradas

O Mel Com Cicuta acabou

Dos princípios vergados a...

Da falta de saídas profis...

O rei da selva

Vamos lá falar de coisas

O primeiro dia do nosso V...

A Corte

...

Por Deus, façam cerimónia...

Vai haver muita foto nest...

Arquivos

Outubro 2011

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

blogs SAPO
Subscrever feeds