Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mel Com Cicuta

Without the aid of prejudice and custom I should not be able to find my way across the room. William Hazlitt

Without the aid of prejudice and custom I should not be able to find my way across the room. William Hazlitt

Mel Com Cicuta

28
Set06

Artes decorativas

Laura Abreu Cravo
Tem uma pessoa de estar sujeita ao olhar reprovador da serviçal de uma loja de tecidos cá do bairro que nos olha como se acabasse de fitar o anti-Cristo porque pedimos damasco de seda preto para fazer a cabeceira de uma cama. Mas desde quando é que a democracia contaminou as opções estéticas?
26
Set06

...

Laura Abreu Cravo
Às 10 da manhã na balança da farmácia um papelinho anunciava o regresso ao meu peso pré vida sedentária. Resolvi festejar com uma gigantesca fatia de bolo de chocolate cá do bairro. Dizem que é o melhor do mundo. E a vida não me tem oferecido muitos prazeres para poder abdicar deste num dia tão mau. Aliás, o bolo é tão bom que, mesmo que estivesse feliz, o mais certo seria arranjar problemas só para poder continuar a usá-lo como compensação. Ainda bem que não é o caso.
26
Set06

Salto em altura (certa)

Laura Abreu Cravo
Durante muito tempo acreditei na eternidade de algumas amizades. Achei que os laços criados na infância, quando sobrevivendo até a idade adulta, se perpetuariam, numa espécie de prémio de resistência, como as medalhas nas maratonas.
O problema é que a vida, como o atletismo, inclui muito mais disciplinas. E se é certo que, para correr, basta pôr um pé à frente do outro (depressa), para saltar obstáculos, arremessar o martelo e lançar o dardo, é preciso calcular previamente os riscos, gerir esforços, prever a força que se pode e deve (ou não) usar, medir o peso dos corpos, analisar as condições climatéricas, delinear estratégias. Tudo coisas complicadas. Ao alcance de poucos.
26
Set06

Calcanhar de Aquiles

Laura Abreu Cravo
25
Set06

...

Laura Abreu Cravo
Esta casa tem um novo habitante. É um Macbook e trouxe companhia (um simpático I-pod nano, importado de Bruxelas que vale um agradecimento aos meninos do costume).
A partir de agora tornou-se quase impossível postar a cores, alterar tipos de letra, colocar algumas fotografias, justificar parágrafos ou remeter para outros blogues (bons tempos, esses do livre arbítrio).
A partir de agora aprende-se a viver com as cedências inerentes a uma relação a dois. Estamos em fase de abdicar de outras companhias, de tactear o terreno do Outro.Não se pode dizer que não seja uma boa preparação para os jogos oficiais.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Laura Abreu Cravo

Em@il

Arquivo

  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2010
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2009
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2008
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2007
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2006
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2005
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D